Mais um dos inúmeros exemplos do descaso em que vive Jaguarari na administração do prefeito atual

Entregue ao atraso, ao retrocesso, ao abandono e a falta de capacidade administrativa, o município de Jaguarari vive um dos seus piores momentos em que uma administração pública pôde proporcionar.

A atual gestão, que tem à frente um prefeito eleito com uma das mais inusitadas promessas de campanha, construir uma padaria em cada escola, tem demonstrado de forma visível, aos mais de 33 mil jaguararienses, que o seu despreparo e a forma desrespeitosa com a qual gerencia o destino do povo deste município não se limita a apenas a incapacidade de gerar empregos, de cuidar da saúde, infraestrutura e segurança; o descaso com a vida de nossas crianças e adolescentes também está entre os principais pontos pelos quais o seu fracassado governo "Uma cidade para todos" mostra, de maneira direta, o descaso e o caos que vive o município de Jaguarari, de ponta a ponta.

As imagens aqui mostradas, evidenciam os riscos diários que correm as crianças e adolescentes da comunidade de Favela da Macambira com as péssimas condições da escola municipal e com a cisterna, que além de não ter água, está aberta, expondo a vida dos estudantes a acidentes ou algo mais grave.

Cansada de vivenciar este e tantos outros descasos, um grupo de moradores, preocupados com a vida e segurança de seus filhos, entrou em contato com a nossa equipe e pediu ajuda, para que esta situação chegue ao conhecimento do Ministério Público e também dos vereadores, já que, segundo eles, a secretaria de educação e a prefeitura de Jaguarari nada fizeram até o momento. 

Só pra se ter uma ideia, todas as escolas da rede municipal de ensino de Jaguarari encontram-se nesta ou em piores condições, sem que nenhum tipo de obras de recuperação tenha sido feito na atual administração, que, conforme já fora denunciado por este blog, até o mês de agosto havia comprado mais de 38 toneladas de cimento. 

A comunidade de Favela  da Macambira espera providências urgentes, pois caso algo de grave venha acontecer, a responsabilização será de imediato atribuída à gestão municipal por ser omissa e irresponsável com questões tão delicadas e importantes para a preservação da vida e segurança de seus filhos. 

Este espaço está a disposição da secretaria de educação e prefeitura de Jaguarari, caso queiram emitir alguma explicação à comunidade de Favela da Macambira.