Exposição OPARA de artista plástico juazeirense acontece neste sábado, 12/10 no Pelourinho Muncab em Salvador

Tenho o prazer e a satisfação de convidar a todos e a todas para minha exposição, intitulada “OPARÁ”.

“Para as diversas tribos indígenas que habitavam o rio São Francisco, aquelas águas já tinham um nome antigo, conhecido como OPARÁ, que significa “rio-mar””.

A exposição apresentará uma série de trabalhos voltados para o tema das Carrancas do Rio São Francisco.  No meu processo criativo, utilizo o carvão como objeto poético, material e reflexivo na construção de esculturas inspiradas nas lendárias Carrancas do Velho Chico, como objetivo de ressaltar a necessidade de preservar a vida do Rio. 

A falta de cuidado com o Rio, levou-me na motivação deste trabalho, assim também com o intuito de fomentar a arte do povo ribeirinho. Esta exposição é fruto da pesquisa que venho desenvolvendo no Curso de Mestrado em Artes Visuais, na Linha de Processos da Criação Artística no Programa de Pós-Graduação da Escola de Belas Artes – UFBA. 

Dessa forma, a exposição “Opará” nasce com o intuito de sensibilizar a população e o poder público para maior atenção de preservação e revitalização do rio São Francisco, sendo assim, a obra, cria ressignificações como um guardião das águas  do rio – esculturas de carvão vegetal, a carranca queimada.

A Exposição acontecerá no MUNCAB - Museu Nacional de Cultura Afro-Brasileira, Em Salvador/BA. A abertural da exposição será no dia 12 de outubro à partir do meio dia, e ficará exposta até 12 de novembro de 2019.

Artista Plástico/Mestrando - ALEX MOREIRA
                                                                             
 Curadoria/Orientadora - PROFª. Dra. NANCI SANTOS NOVAIS