CFEM DE R$ 1,2 MILHÃO PODERÁ SER UTILIZADO PARA OBRA DE RECAPEAMENTO ASFÁLTICO DE PILAR. EM MAIO O MUNICÍPIO RECEBEU R$ 4,5 MILHÕES

Imagem relacionadaO Mês de maio iniciou bem para a prefeitura de Jaguarari, em apenas 10 dias as contas receberam um montante de R$ 4.502.798,40 (quatro milhões, quinhentos e dois mil, setecentos e noventa e oito reais e quarenta centavos). Só de CFEM (Compensação Financeira devida pela exploração de recursos minerais) o valor correspondente aos 65% dos quais o município tem direito, Jaguarari recebeu R$ 1.276.817,18 (um milhão, duzentos e setenta e seis mil, oitocentos e dezessete reais e dezoito centavos), valor que o prefeito Everton Rocha pode direcionar ao Distrito de Pilar para obras de recapeamento das ruas, já que os recursos originados da CFEM, não poderão ser aplicados em pagamento de dívida ou no quadro permanente de pessoal do Município e as receitas oriundas desse ensejem ser aplicadas em projetos, que direta ou indiretamente revertam em prol da comunidade local, na forma de melhoria da infraestrutura, da qualidade ambiental, da saúde e educação.
Desta vez o atual gestor municipal terá a oportunidade de retribuir aos moradores de Pilar o retorno por toda a confiança nele depositada pela população, afinal de contas, todo este valor entra nas contas do município, mas é fruto do suor do trabalho de centenas de trabalhadores que residem no distrito e adjacências e que raramente recebem algo em troca a todo o esforço empregado para a extração mineral que resulta em impostos aos cofres públicos.
Vamos esperar para ver aonde o prefeito Everton Rocha vai “investir” o dinheiro do povo desta terra que o acolheu como um “filho”.