Paciente de Pilar é orientada a comprar gaze para fazer curativo porque prefeitura de Jaguarari deixou estoque zerado

Uma moradora do distrito Pilar, interior de Jaguarari, cirurgiada e necessitando da realização de curativo, entrou em contato com a Sala de Estabilização, conhecida como “UPA”, para a limpeza e troca de curativos em sua cirurgia, mas a resposta que obteve de funcionários foi que na referida unidade de saúde não há a realização deste procedimento aos finais de semana. Segundo a moradora, sequer ela teve a oportunidade de relatar a sua situação de saúde, foi ignorada.

Na manhã desta segunda-feira, 4, ela mesmo com a saúde debilitada, sem condições de saúde e financeira, já que até seu esposo está desempregado, andou a pé várias ruas e foi até o Posto de Saúde da Rua do Bem-te-vi e ao chegar lá a resposta foi revoltante e vergonhosa: NÃO TINHA GAZE e a paciente ainda teve que ouvir de uma funcionária, que se ela quisesse ir a uma farmácia comprar, poderia retornar que faria o curativo.

É esta a saúde que os jaguararienses estão recebendo da prefeitura que já acumula quase 170 milhões recebidos?