Na manhã desta terça-feira (27/10), às 09h19, no centro de Jaguarari a guarnição da 3ª CIA conduziu e apresentou na Delegacia de Sr. Do Bonfim/19ª COORPIN, um indivíduo acusado de lesão corporal. A vítima apresentava lesão na região do rosto, causado por uma golpe de garrafa desferido pelo autor. As partes foram apresentadas à autoridade competente para devidas providências. TCO.

FONTE: ASCOM/6° BPM


Foto: Isabella Pinheiro/Gshow
Nascida e criada em Jaguarari, interior da Bahia, Glícia França tem 29 anos e se apresentou nas Audições do The Voice Brasil com a canção "Numa Sala de Reboco", de Luiz Gonzaga. Carlinhos Brown virou sua cadeira e bloqueou Lulu Santos, que também virou, deixando assim a baiana no Time Brown. 

Glícia trabalha atualmente na locadora de veículos do seu irmão, mas quer mesmo é ser cantora. No entanto, foi logo após gravar um CD que ela quase desistiu de seu sonho. 

"Ano passado, eu gravei um CD, mas fiquei muito pra baixo porque o CD não tinha nada a ver comigo. Aí eu parei de cantar e todo mundo perguntava se eu não ia voltar. Então resolvi me inscrever no programa. Quando recebi o e-mail (de convocação) foi um aviso de que eu não poderia parar." 

Agora que está dentro do maior reality show musical do Brasil, Glícia quer mostrar que cantar é o que ela sabe fazer de melhor. 

"Meu maior sonho é que ,a partir de agora, as pessoas me conheçam, reconheçam meu trabalho, curtam meu som e que eu cresça profissional e pessoalmente também."

Confira apresentação de Glícia: 


Com informações do Gshow da Tv Globo

O candidato a prefeito de Uauá, Marcos Lobo (PDT) não aceitou participar do debate que será promovido pela Rádio Comunitária Luz do Sertão FM. A decisão de não discutir ideias e propostas com os demais prefeituráveis foi tomada após o candidato ter recebido críticas pelo mau desempenho em entrevista realizada na própria emissora.

Segundo informação divulgada pela rádio, a coligação "Uauá de Volta ao Trabalho", da chapa Marcos Lobo e Moisés Ribeiro, informou que por determinação da maioria dos integrantes da comissão de coordenação da campanha ficou determinado que o candidato não vai ao debate.

De acordo com a diretoria da Luz do Sertão FM, a partir da próxima sexta-feira (30) será definido o formato do debate e a data de sua realização.  Dos quatro candidatos, apenas Lindomar Dantas (PCdoB) e o Tenente Aleixo (DC) confirmaram participarão do debate.

É lamentável, que, em meio a uma pandemia, os eleitores uauaenses fiquem alheios as propostas daqueles que se dizem preocupados com o bem estar da população de Uauá.

        Programa Papo Jovem todos os sábados na rádio comunitária da cidade Top Fm 104.9 de Jaguarari, BA. 

Trabalho missionário com a juventude continua, mesmo em meio à pandemia. Relatos da animação vocacional na Bahia e no Paraná.

Por Josky Menga e Arlei Pivetta*

A pandemia pegou todos de surpresa. O que era uma situação muito distante nos meses de outubro e novembro de 2019, “um problema” dos chineses, passou a ser “um problema” dos europeus em janeiro e fevereiro de 2020 e passou a ser “um problema” da América, com forte incidência no Brasil, em particular em março, e logo depois chegou na África e espalhou-se pelos cinco continentes. A pandemia mudou tudo, parou o mundo, colocou o rico e o pobre no mesmo barco, ninguém podia sair de casa. Os hospitais ficaram cheios, um caos na saúde. Mesmo nos países com mais condições e possibilidades, o número de mortos aumentava a cada dia. Nada é a mesma coisa e o mundo nunca mais será o mesmo.

De criança a adulto, só se falava de Coronavírus ou Covid-19 nas casas, nas televisões e tudo girou em volta da pandemia. Ninguém aguentava mais ver as pessoas sofrendo dentro de casa por medo de morrer e de perder alguém da família, e até hoje ainda continuam as mesmas situações, apesar de algumas flexibilizações. Muitos perderam os seus entes queridos sem chance de ver o corpo ser enterrado, às vezes com a presença de duas ou cinco pessoas da família. As máscaras e álcool em gel se tornaram as nossas companheiras de todos os dias por medo de contaminar e de ser contaminado.

CRESCIMENTO COM DOR

Porém, a relação com os jovens precisava ser mudada. Mudar sempre traz dor, sofrimento, incerteza e dificuldades. Mas como já dizia os filósofos da antiguidade, “crise é crescimento com dor”. A crise faz necessário se reinventar, mudar “rotas”, inovar. O contato com os jovens foi bastante prejudicado, principalmente pela pandemia ter aparecido nos primeiros dias do ano letivo, quando o contato com os jovens do Ensino Médio e da universidade estava a dar os primeiros passos. Com início do planejamento pastoral, havia muitos projetos com os jovens e tudo tinha que mudar, em Cascavel e Jaguarari onde atuamos, tudo tinha que tomar outro rumo, por exemplo, um grande momento de contato com os jovens era a “Missa Jovem”, que ocorria em Jaguarari uma vez por mês com os jovens da cidade em diferentes comunidades e núcleos da paróquia, durante as festas dos padroeiros, e em Cascavel todas as quintas-feiras de cada mês na Catedral Nossa Senhora Aparecida e reunia mais de 3000 jovens. Com a pandemia, tudo foi cancelado.

Pouco trabalho de campo foi feito no caso de Cascavel, mas o que não morreu foi o sonho, é só abrir novamente as portas das escolas e universidades que o trabalho retorna. Em Jaguarari, outras atividades foram inventadas para continuar a evangelização e animação para os jovens através das redes sociais, onde iniciamos o projeto das Lives da Juventude, Papo Jovem todos os sábados na rádio comunitária da cidade Top Fm 104.9, para poder discutir as diferentes temáticas para manter contatos com a juventude. Isso foi e está sendo muito bom e proveitoso. Estamos esperando a situação melhorar para tudo voltar a funcionar e ter contato físico com a juventude.

Entre os Macuas em Moçambique tem um ditado que diz mais ou menos assim: “Parar não significa abandonar o caminho, é recuperar as forças para caminhar com mais ânimo”. Este ano foi de olhar e avaliar o que se pode fazer para o próximo. Todos sofreram com a pandemia, uns mais, outros menos. Porém, para a juventude foi algo bastante forte, pois foram obrigados a ficar “presos” dentro de suas casas, isolados do convívio social e ainda com a insegurança sobre o futuro estudantil, econômico e o medo da morte de pessoas próximas e a própria morte. A internet deu e dá uma grande possibilidade para os jovens de interagir, estudar, mas mesmo assim limita o contato pessoa a pessoa, necessário para o crescimento do ser humano em plenitude, o contato pessoal é de extrema importância para a formação do ser humano como um todo.

O isolamento social foi uma novidade para muitos e ninguém estava preparado para isso e saber lidar com esse novo na humanidade. Por isso a pandemia colocou um ponto final na vida de muitas pessoas, muitos perderam os empregos, a juventude não sabia e não sabe como será amanhã até achar uma solução, mas também do outro lado abriu as portas para sonhar melhor no futuro. Para muitos jovens, porém, esse momento foi “um retiro”, momento de parar e de pensar sobre o futuro, momento de se retirar, de entrar dentro de cada um para pensar melhor sobre o projeto de vida, o que não deu para realizar esse ano esperamos que seja realizado nos próximos. A juventude não pode parar de sonhar, sempre tem que olhar para o alto e confiar em Deus que tudo isso vai passar e um momento melhor chegará. O que não morreu foi o sonho.

* Josky Menga, imc, é animador vocacional em Jaguarari, BA e Arlei Pivetta, imc, é animador vocacional em Cascavel, PR.

Em mais um ato de desespero e baixo nível, o grupo da baixaria lança cartas anônimas em ataque ao candidato do PT, Seu Antônio e a pessoas de bem, pais de famílias. Esta prática foi muito utilizada no início dos anos 2000 e havia sido esquecida, mas retornou, apesar de muitos terem noção de quem pode estar por trás delas. Não bastasse há algumas semanas atrás ter lançado uma dessas cartas sem a assinatura do auto (a) atacando e acusando a professora Cléia, os filhos de Seu Antônio e outras pessoas ligadas ao candidato Antônio Nascimento, de crimes nunca cometidos, agora mais uma vez pessoas de espírito pobre, invejoso e desprovido de caráter produziram e espalharam mais duas cartinhas mentirosas, com o foco na tentativa de deturpar a opinião do eleitor acerca da candidatura de Seu Antônio, em uma dessas proezas de gente desqualificada, mexeram com a memória da saudosa Gorete de Gameleira, fato que causou mais revolta, principalmente a familiares que reagiram repudiando tais atos de um grupo medíocre que não mede esforços para tentar ver o seu candidato na vantagem, mesmo que para isso maculem a honra e a imagem de seus desafetos.

O que o grupo da baixaria conseguiu com isso? Apenas reforçar que a escolha do povo por seu candidato torna-se cada vez mais distante, principalmente por não querer, o povo, gente da tão baixo caráter gerindo o interesse público e coletivo.

Há 22 dias das eleições municipais, o distrito de Gameleira, segundo maior colégio eleitoral do interior de Jaguarari, recebeu a carreata dos candidatos a prefeito Antônio Nascimento (Seu Antônio) e o vice, Dr Veloso. Em mais uma manifestação clara, de que o povo do interior, assim como o da sede, quer o fim de um governo marcado por falsas promessas, desestabilidade e desequilíbrio na prestação dos serviços públicos, onde, por exemplo, o distrito de Gameleira e Santa Rosa de Lima, por longos meses ficaram, e volta e meia, ficam sem atendimento médico nos postos de saúde, conforme reiteradas vezes fora denunciado por edis na Câmara e na imprensa, o povo que abraça a cada dia o retorno de Seu Antônio, deixa estampado no semblante de quem veste a camisa e levanta a bandeira, sem o compromisso de fazê-los por força de um contrato ou portaria, a decepção com o governo atual, e reforça a extrema necessidade do fim do caos, da incompetência, da falta de apoio ao homem do campo, da falta de geração de emprego e da evasão do dinheiro da Prefeitura com empresas de cidades de diversas cidades e até de outros estados.

Mesmo sem promover uma campanha com o poderio econômico, a Coligação “Jaguarari Feliz de Novo” conseguiu largo apoio popular, que lotou a Praça de Gameleira, neste sábado (24/10), e mais uma vez, ao coro de “o povo que o liso”, o grito de basta, o grito de “queremos progresso” ecoou e aos que ali se fizeram presentes, ficou evidente o ditado popular “Quando o povo quer, não tem jeito!”

Dois adultos e uma criança de 10 anos ficaram levemente feridos, após um grave acidente ocorrido no final da manhã deste sábado (24/10), na BR 407, imediações do povoado de Aroeira, zona rural de Jaguarari. 

O acidente aconteceu por volta das 11h50 e segundo informações, dois veículos bateram violentamente, sendo um VW Polo e um Chevrolet Corsa, após a batida o veículo Polo saiu da pista e parou a vários metros do local da colisão, o impacto foi tão forte que o Corsa ficou totalmente destruído e quase partiu ao meio. Ainda Segundo informações o Polo era conduzido por um homem e o Corsa por uma mulher e tinha como ocupante um garoto de 10 anos. Os envolvidos residem no município de Jaguarari. 

As vítimas com escoriações leves pelo corpo foram atendidas por duas unidades do SAMU.

A Policia Militar e Rodoviária Federal estiveram no local registrando a ocorrência e disciplinando o trânsito. Ainda não há informações das causas do acidente.
Portal Jaguarari

O candidato a reeleição à prefeito de Jaguarari, Everton Rocha, não compareceu a reunião ocorrida na última quinta-feira (22/10) na sede da Associação Comercial Industrial e Agrícola de Jaguarari. O convite foi entregue com antecedência, mas mesmo assim o candidato, que atualmente é prefeito, não compareceu, deixando os comerciantes frustrados. Apenas o candidato Seu Antônio, pela majoritária esteve presente.

O momento era de grande importância, pois seria o momento de os dois candidatos ouvirem dos comerciantes, reivindicações para os próximos quatro anos, já que nos últimos três anos e meio, as dificuldades atingiram inúmeros empresários, principalmente por conta da má gestão dos recursos públicos, a falta de investimento no comércio local, pela Prefeitura municipal e o calote de mais de R$ 3000.000,00 (trezentos mil reais) adquirida pela Prefeitura no ano de 2018.

Moradores de Catuni da Estrada manifestou revolta contra a Prefeitura de Jaguarari, pela obra de reforma da Escola Professora Maria Ivete, a qual, segundo relatos nas redes sociais, depredou e descaracterizou a referida unidade escolar. Nas diversas reclamações, os moradores criticam a lentidão da obra, que, deveria durar 120 (cento e vinte) dias, reforma iniciada no mês de março, mas que até agora está com muito atraso.

Os moradores pedem informações à Prefeitura, cobram a devida entrega da escola e mostram preocupação, haja vista a data das eleições, 15 de novembro.

 

Leia o que diz as reclamações postadas nas redes sociais:

 

“Senhor prefeito Everton Rocha a comunidade de Catuni cobra informações sobre o andamento da obra que descaracterizou a Escola Professora Maria Ivete. A mesma deveria ter sido entregue em 120 dias contando o início da obra que foi em meados do mês de março. Considerando uma época atemporal em que vivemos A PANDEMIA, nós moradores da comunidade de Catuni solicita informações sobre a obra que já deveria ter sido entregue. Onde será a votação política já que a escola está totalmente inadequada para receber os eleitores? Onde está o dinheiro destinado para a obra que está atrasada?

Catuni Da Estrada cobra informações e respeito a comunidade!”


A Empresa COMPET CONSULTORIA, MARKETING, PESQUISAS E TREINAMENTOS LTDA que tem realizado pesquisas eleitorais em Ponto Novo, sempre colocando o prefeito e candidato à reeleição, Tiago Venâncio, à frente da disputa, com diferenças surreais (PARA NÃO DIZER, MENTIROSAS), em relação ao candidato de oposição, o Doutor Thiago Gilleno, tem muito a esclarecer.

São muitos os indícios de fraude, como relacionados abaixo:
1. A referida Empresa foi aberta recentemente;
2. A Empresa já realizou quatro pesquisas de intenção de voto e ela mesma se contratou, ou seja, ela pagou para ela mesma registrar e realizar pesquisa (4 x 6.000,00 = 24.000,00);
3. Seu endereço está situado onde funciona um escritório de contabilidade e o porteiro não sabe da existência da Empresa;
4. O número de telefone, indicado pela Empresa, não funciona;
5. Os números apresentados pelas pesquisas, realizadas pela COMPET CONSULTORIA, obedecem uma sequência lógica (percentuais programados).
O prefeito Tiago Venâncio tem tentado se beneficiar dessas pesquisas, querendo mudar a preferência popular. Ainda bem que seu concorrente não é filho de chocadeira e é muito inteligente, pois só se deixa enganar quem quer, ou quem tem algum nível de retardo.


Uma colisão envolvendo uma caminhonete e uma motocicleta deixou o condutor da moto ferido, no inicio da noite deste sábado (17/10), por volta das 18h20, em uma das entradas do distrito de Pilar, zona rural de Jaguarari.

Ainda não se sabe o que ocasionou o acidente, mas a caminhonete VW Amarok, placas de Petrolina-PE colidiu numa motocicleta e ainda atingiu uma pilastra localizada no contorno que da acesso ao distrito. Segundo informações o motociclista foi socorrido pelo SAMU para UPA de Pilar, com suspeita de fraturas, já o condutor da Amarok aparentemente não se feriu.

Portal Jaguarari

Por volta de 01h da madrugada desde sábado (17/10), na rua Rui Barbosa centro de Jaguarari, foi registrado uma tentativa de homicídio por arma branca, tipo faca.

Segundo informações, homens teriam entrado em luta corporal e, durante a briga um dos envolvidos na confusão se apossou de uma faca e desferiu golpes na vítima, identificada pelas iniciais R.L.D.D.S. Populares acionaram o SAMU que realizou os primeiros socorros no local, em seguida encaminhou para o Hospital municipal de Jaguarari, onde foi estabilizado pela equipe medica de plantão e posteriormente transferido para o Hospital Universitário (Traumas), em Petrolina-PE.

Ainda não se sabe os reais motivos da confusão, tão pouco se algum suspeito foi preso.

Portal Jaguarari

Faleceu no inicio da tarde desta sexta-feira (16/10), em Salvador, o ex-vereador e atual secretário de Meio Ambiente de Jaguarari, Paulo Sérgio Gonçalves da Silva, de 63 anos. Não há informações sobre a real causa da morte e nem detalhes do sepultamento. 

A morte de Paulo Gonçalves deixou a população jaguarariense consternada com o falecimento de mais uma pessoa muito querida no município.

Nosso sincero sentimento aos familiares e amigos. 

Portal Jaguarari

Após uma queda abrupta nos meses iniciais da pandemia do coronavírus, casamentos realizados na Bahia começam a dar sinais de recuperação, registrando em setembro um crescimento de 122% em relação ao mês de abril, período mais crítico do isolamento social no estado por conta crise sanitária, quando foram realizados 1.527 casamentos em território baiano, número 62% menor que o registrado no mesmo mês do ano passado, quando houve 4.028 celebrações. Já setembro foi o segundo mês com maior índice desde o início da pandemia, com 3.391 casamentos feitos pelos Cartórios - começando a se aproximar das 4.118 uniões realizadas no mesmo mês do ano passado. 

A partir de maio iniciou-se uma gradual recuperação dos casamentos, ainda em menor número que em 2019, mas com forte tendência de aumento. Foram celebrados 2.064 casamentos no estado, 35% a mais que o registrado em abril. Em junho, houve 24,5% a mais de celebrações que no mês anterior, com 2.570 registros. No mês seguinte, julho, os casamentos saltaram para 3.756, um aumento de 46% com relação ao mês anterior. Em agosto, os números tiveram uma ligeira queda, com a realização de 3.191 casamentos. Os dados constam na Central Nacional de Informações do Registro Civil (CRC Nacional), base de dados dos atos praticados pelos Cartórios de Registro Civil do Brasil, administrada pela Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil). 

Quando comparados os índices de casamentos celebrados em 2019 e 2020, mês a mês, vê-se que as quedas vêm diminuindo, também, de abril a setembro. Em abril, a diminuição foi de 62% (4.028 em 2019); no mês de maio, a diferença caiu para 53% (4.447 ano passado); em junho, a queda foi de 34% (3.894 em 2019); em julho, a diferença caiu ainda mais, para 17% (4.543 no ano anterior). Em agosto, a queda se manteve em nível parecido, com 16% (foram 3.799 casamentos em 2019). 

No Brasil, os casamentos também começaram a dar sinais de recuperação, registrando em setembro um crescimento de 143% em relação ao mês de abril. Enquanto em abril de 2020 foram realizados 25.394 casamentos, número 61,8% menor que o registrado no mesmo mês do ano passado, setembro deste ano registrou o recorde de celebrações desde o início da pandemia, com 61.799 casamentos feitos pelos Cartórios - começando a se aproximar das 80.427 uniões realizadas no mesmo mês do ano passado. 

O presidente da Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado da Bahia (Arpen/BA), Daniel Sampaio, explica que mesmo com a pandemia as pessoas sentiram a necessidade de continuar com as formalizações dos casamentos. "Neste momento de pandemia, os Cartórios de Registro Civil da Bahia, por serem serviços essenciais, não puderam parar o atendimento. Tomamos medidas de prevenção ao coronavírus e continuamos com as celebrações dos casamentos. E como mostram os dados, as pessoas confiaram nos nossos cuidados e serviços e continuaram celebrando oficialmente uma vida a dois". 

Os Cartórios de Registro Civil tomaram diversas ações para proteger a população nesse período de pandemia do coronavírus. Foram determinadas medidas para espaçamento entre as cerimônias ao longo do dia; permissão de entrada apenas do casal e de duas testemunhas no Cartório para a realização do casamento, sem presença de convidados; uso obrigatório de máscaras por todos presentes no local; disponibilização de álcool em gel e pias para lavagem de mãos; uso de canetas próprias para a assinatura do registro de casamento, sem compartilhamento do objeto; e distância mínima de um metro entre os envolvidos na cerimônia. 

Além disso, a criatividade também teve espaço importante neste momento excepcional. Iniciativas como a realização de casamentos em sistema conhecido como "drive-thru" emergiram por todo o País, proporcionando a realização do sonho do matrimônio, mas com a mínima interação física, sem que o casal saia de dentro do carro. Em alguns estados também foram editadas normas que autorizaram o casamento por videoconferência, permitindo que a celebração aconteça sem a presença dos noivos no Cartório. São eles: Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Santa Catarina, Sergipe e Tocantins. 

Sobre a Arpen/BA 

A Associação dos Registradores Civis das Pessoas Naturais do Estado da Bahia (Arpen/BA) conta com 217 associados, do total de 286 titulares de Registro Civil do Estado da Bahia distribuídos por todos os municípios e distritos baianos, responsáveis pelos principais atos da vida civil dos cidadãos, entre eles os registros de nascimentos, casamentos e óbitos. Associação legítima representante da categoria no âmbito estadual e nacional. Saiba mais em http://www.arpenba.org.br/ . 

Assessoria de Comunicação da Associação dos Registradores Civis das Pessoas Naturais do Estado da Bahia (Arpen/BA)

O governador Rui Costa anunciou, nesta sexta-feira (16), o pagamento de mais uma parcela do vale-alimentação estudantil. O benefício visa a segurança alimentar dos estudantes e de suas famílias neste período de suspensão das aulas por causa da pandemia do novo coronavírus. Nesta quarta parcela serão investidos mais R$ 44 milhões, totalizando um investimento de R$ 176 milhões de recursos próprios do Governo do Estado. A previsão é de que o crédito já esteja depositado nos cartões no próximo dia 26. Rui também informou que, na próxima semana, serão testados para Covid-19 estudantes e profissionais de Educação da área da Liberdade.

“Já definimos com os secretários da Fazenda e da Educação o pagamento da ajuda aos estudantes, que corresponde a uma cesta básica. Dia 26 foi o prazo que a empresa de cartão de crédito disponibilizou, por questões técnicas para fazer o pagamento. Portanto, dia 26 o dinheiro estará depositado na conta dos cerca de 750 mil alunos da rede estadual de ensino”, informou o governador.

O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, lembrou que todos os estudantes regularmente matriculados na rede estadual de ensino têm direito ao benefício, que é de R$ 55 por parcela. “Estes recursos que estão sendo destinados ao vale-alimentação estudantil não estavam previstos no orçamento e o Governo do Estado faz mais este esforço, o que ressalta a preocupação e o zelo do governador Rui Costa com os nossos estudantes. As parcelas não equivalem a pagamentos mensais, mas representam uma contribuição alimentar e social importante para os estudantes e suas famílias, além de movimentarem a economia nos 417 municípios baianos”, afirmou.

Para a retirada da quarta parcela, o estudante deverá usar o mesmo cartão utilizado anteriormente, com a bandeira Alelo, que é aceito em mais de 18 mil estabelecimentos em toda a Bahia. O recurso é destinado, exclusivamente, para a compra de gêneros alimentícios, como feijão, arroz, macarrão, carne, frango, frutas, verduras, café e leite, sendo que a aquisição dos alimentos é de livre escolha dos estudantes.

A Secretaria da Educação do Estado reforça a orientação para que vá ao supermercado apenas um membro da família, seguindo todas as normas de segurança, como o uso de máscaras de proteção individual, em função da pandemia pelo novo Coronavírus. Em caso de dúvidas, o estudante pode entrar em contato com a escola onde está matriculado. A secretaria também disponibiliza os canais da Ouvidoria pelo 0800 284 0011, pelo e-mail ouvidoria@educacao.ba.gov ou pelo Fale com a Ouvidoria, disponível no Portal da Educação (institucional.educacao.ba.gov.br/falecomouvidoria).


Secom

Assista comentário do Desembargador Jatahy Júnior 
A um mês das votações municipais de 2020, o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia, intensifica a campanha de conscientização de candidatos e candidatas às prefeituras e câmaras municipais baianas sobre a necessidade de atuar com segurança para evitar o contágio do coronavírus, relançando o lema "Eleições limpas passam pelas nossas mãos". 
Com um dos slogans "Aglomerou? Tá Cancelado!", a campanha do TRE-BA incentiva o respeito às regras sanitárias vigentes no estado e que os candidatos e candidatas evitem promover aglomerações. A ideia, sugerida pelo presidente do Regional da Bahia, desembargador Jatahy Júnior, é difundir entre os que pleiteiam cargos eletivos no poder municipal o entendimento sobre os cuidados necessários à realização de uma eleição em meio à pandemia. 

“As eleições vão acontecer para garantir o direito do voto e também a renovação dos mandatos, que devem sempre ser conquistados nas urnas. Entretanto, é preciso respeitar não apenas a legislação eleitoral como as regras sanitárias, para garantir que tudo aconteça com segurança. O candidato que não seguir por aí será cobrado antes de tudo pelos próprios eleitores”, afirmou o presidente. 

A ação do TRE-BA reforça o que foi estabelecido na Resolução Administrativa nº 30/2020, publicada em 21/9. O documento regulamentou o poder de polícia da Justiça Eleitoral e vinculou as eleições municipais às regras sanitárias estabelecidas pelo governo do estado para evitar o contágio de Sars-Cov-2 durante as campanhas eleitorais e no dia de votação. 

O tema “Eleições limpas passam pelas nossas mãos” surgiu em 2018, quando o desembargador Jatahy era corregedor eleitoral. Naquele ano, a intenção era evitar a desinformação, preocupação ainda vigente em todo o país. “Em 2020, essa mensagem adquire também esse outro sentido, de cuidar para que todos possamos votar com saúde”, disse o presidente. 

A campanha é uma parceria entre a Ouvidoria, a Seção de Atenção ao Cliente e a Assessoria de Comunicação.

Ascom TRE-BA

O empresário do ramo de gêneros alimentícios e proprietário do Mercadinho Santa Luzia, Gilberto Clarindo, após análise das melhores propostas para o desenvolvimento do Município, junto com toda a sua família, declarou apoio ao candidato a prefeito, Antônio Nascimento (Seu Antônio). Há meses sendo assediado pelo grupo do atual gestor, Gilberto optou por apoiar o projeto do ex-prefeito, que em seus anos de gestão pública, com uma administração equilibrada e focada na valorização da mão-de-obra e comércio locais, contribuiu com o desenvolvimento municipal, o que não se tem visto nos últimos anos, após a saída de Seu Antônio da prefeitura de Jaguarari. 

Obras em ano de eleição soam como sendo eleitoreiras, ou seja, com o objetivo de convencer o eleitorado. Agora obras a um mês das eleições, talvez, seja julgar a população de desmiolada ou coisa do tipo. E é isso o que deixa a entender a publicação do Diário Oficial do Município de Jaguarari, desta terça-feira, 14 de outubro, nela consta a TERMO DE HOMOLOGAÇÃO de uma Tomada de Preço n°. 008/2020, decorrente do Processo Administrativo n°. 176/2020, com objeto: Contratação de empresa de engenharia Civil, com registro ativo no CREA, visando a prestação de serviço de recapeamento asfáltico no Distrito de Pilar. A empresa vencedora poderá levar a quantia de R$ 1.983.246,85 (um milhão, novecentos e oitenta e três mil, duzentos e quarenta e seis reais e oitenta e cinco centavos).

Em 2016 durante a participação em uma entrevista na Rádio Caraíba AM 850 MHz, de Senhor do Bonfim, o então candidato a prefeito, à época, dizia que obras próximas as eleições seriam obras eleitoreiras, dizia também que cresceu vendo prefeitos passarem três anos e meio sem fazer nada e nos últimos meses aparecerem obras. Neste contexto, o atual prefeito de Jaguarari, possivelmente, não teria se espelhado em gestores, que desde a sua infância, praticavam esta tática?

As reformas das escolas, que inicialmente tinham um prazo de 120 dias, até agora empacadas, com um custo aproximado de 10 milhões de reais seguirá o mesmo padrão, agora, nos recapeamentos de ruas do Distrito de Pilar? Se sim, entraremos em 2021 com buracos abertos e mais transtornos para a população distrital.


A Justiça Eleitoral deferiu os registros de candidaturas de Antônio Nascimento (Seu Antônio) – PT e de Everton Rocha – PSDB após analisar toda a documentação exigida pela Lei. Esta foi apenas uma etapa superada, a da formalização vencida pelos postulantes ao cargo de chefe do executivo. A próxima etapa é convencer os mais de 22 mil eleitores, para isso, os candidatos precisarão ter histórico de honestidade, de serviços prestados a população, não ter seu nome envolvido em acusações e investigações do Ministério Público, por atos de enriquecimento ilícito, improbidade administrativa, fraudes diversas, dilapidação do patrimônio público, corrupção... quem mais gerou empregos e renda, valorizou o comércio e empresas locais, além, claro, o que tenha propostas viáveis para alavancar o município que está sucateado.

O convencimento do eleitorado, em especial o indeciso, passa, também, por aquele candidato que demonstrar está sendo seguido e/ou apoiado por lideranças políticas que, em seu tempo, desenvolveram ou atrasaram o município. A população votante, ainda deverá observar, entre os dois candidatos, qual aliou-se a antigos inimigos políticos, já que a harmonia em uma gestão é fundamental para um mandato equilibrado, isso evita fatos como os ocorridos em 2008 e 2018, quando os vices deram golpes e derrubaram os prefeitos.

As duas chapas Antônio e Veloso x Everton e Odilon trazem em si, diferenças pontuais. Enquanto a primeira conta com a larga experiência, sensatez e equilíbrio político e emocional, a segunda arrasta consigo a desconfiança de parte da população, decepcionada com a grande quantidade de promessas bizarras (construção de padarias em cada escola e a entrega de 10 pães a cada aluno da rede municipal) feitas em 2016, além do medo de episódios de ataques de fúria cometidos contra adversários em disputa de poder, o que elevou o grau de descrédito do Município além fronteiras. 


No domingo (11/10), às 18h40, no centro de Jaguarari, a Guarnição da 3ª CIA recebeu solicitação de uma senhora, informando que seu vizinho, havia ligado um som em extremo volume. Chegando ao local indicado, a guarnição constatou a veracidade do fato e fez a apreensão do som (caixa de som, marca Mondial e um pendrive). 

APRESENTAÇÃO: 

19° COORPIN 

FONTE: ASCOM/6° BPM

Na última sexta-feira (09/10), por volta das 21h40, dando cumprimento a Operação Intensificação aos Bares, a Guarnição do 2º Pelotão do distrito de Pilar da 3ª CIA ao fazer abordagem em um indivíduo, encontrou em sua mochila 48 (quarenta e oito) pinos contendo cocaína, um celular e R$ 20,00 reais. 

Foi dado voz de prisão e o acusado foi preso em Flagrante Delito e apresentando juntamente com a droga na sede da 19ª COORPIN, em Senhor do Bonfim. 

FONTE: ASCOM/6° BPM

O ex-prefeito e candidato ao terceiro mandato ao cargo de prefeito do Município de Jaguarari, Antônio Ferreira do Nascimento (SEU ANTÔNIO), pela coligação “Jaguarari Feliz de Novo”, teve o registro de sua candidatura DEFERIDO pela Justiça Eleitoral, estando APTO a ser votado nas urnas em 15 de novembro.

Seu Antônio assumiu, em 1º de janeiro de 2009, uma prefeitura falida, endividada e um município descredibilizado em toda a região. Antônio quebrou uma sequência de governos e ALMEIDA.

Em um breve resumo, foram nos anos em que Seu Antônio esteve prefeito, que a saúde básica teve a devida atenção: Distritos e comunidades maiores passaram a contar com equipes permanentes de saúde da família, além da construção de unidades básicas de saúde em diversas localidades, a exemplo de Pilar, que passou a contar com três unidades, uma delas funcionando diariamente com o serviço de atendimento médico de urgência e emergência.

No esporte, Seu Antônio beneficiou o município com o gramado, iluminação e aumento das arquibancadas do estádio municipal, além de três ginásios cobertos (sede e Pilar) e quadras esportivas em diversas comunidades.

A frota municipal passou a contar com vários ônibus novos para o transporte de estudantes, além de máquinas pesadas, caçamba, rolo compactador e diversos veículos para as secretarias municipais.

O Centro de Operações de Emergência em Saúde da Bahia (Coes) recomendou, neste sábado (10), medidas sanitárias mais restritivas em relação ao período eleitoral, a exemplo da proibição de comícios, passeatas e caminhadas, bem como o acompanhamento de pessoas a pé durante as carreatas. 

De acordo com o secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, as recomendações foram enviadas à Justiça Eleitoral, a quem compete normatizar a questão. “O objetivo é evitar o crescimento acelerado de casos e redobrar atenção em diversas localidades, a exemplo das regiões Sudoeste, Sul, Norte e Nordeste que tem permanecido com um platô elevado de infectados e taxas de ocupação de leitos em percentuais de atenção”, explica o secretário. 

O titular da pasta estadual da Saúde reitera ainda que medida semelhante foi adotada em outros estados, a exemplo da Paraíba. 

A Nota Técnica 81 está disponível no site www.saude.ba.gov.br/coronavirus e detalha as recomendações, sempre ratificando o uso de máscara, higienização frequente das mãos e manutenção do distanciamento social.

SECRETARIA DA SAÚDE DO ESTADO DA BAHIA

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO

O Governo do Estado encaminhou, nesta sexta-feira (09), 926.623 mascaras reutilizáveis de tecido e TNT para 175 municípios, pertencentes a 21 Territórios de Identidade da Bahia. Também foram enviados 13 mil litros de álcool 70% para secretarias estaduais. A ação visa proteger a população do coronavírus e faz parte da força tarefa coordenada pelas secretarias do Planejamento (Seplan), de Desenvolvimento Econômico (SDE) e de Desenvolvimento Rural (SDR), com o apoio do Corpo de Bombeiros.  

“O governo continua enviando insumos de forma sistemática para toda a Bahia com o objetivo de manter a população protegida do coronavírus, uma vez que a pandemia ainda continua. Vale destacar que a produção destas máscaras gera renda para milhares de pessoas”, ressalta o secretario estadual do Planejamento, Walter Pinheiro. As máscaras foram adquiridas junto a 603 associações, cooperativas e empresas habilitadas para a produção de mais de 12 milhões de unidades, gerando renda em toda a Bahia.  

No território Litoral Sul, são 53.500 mascaras para Itabuna, Ilhéus, Coaraci, Ibicaraí, Itapitanga, Pau-Brasil, Camacan, Itaju do Colônia, São José da Vitória, Arataca, Buerarema, Floresta Azul, Mascote, Una, Itajuípe, Itapé, Santa Luzia, Ubaitaba, Uruçuca, Barro Preto e Canavieiras. Já na Costa do Descobrimento, os municípios Eunápolis, Porto Seguro, Itabela, Belmonte e  Guaratinga recebem 27.500 unidades.  

Para o território Extremo Sul, foram enviadas 39.500 mascaras para Teixeira de Freitas, Itamaraju, Mucuri, Nova Viçosa, Caravelas, Medeiros Neto, Vereda, Jurucuçu, Prado, Itanhém, Alcobaça, Lajedão e Ibirapuã. No território Sisal, as 60.900 máscaras são para Conceição do Coité, Valente, Tucano, Serrinha, Retirolândia, São Domingos, Teofilândia, Coaraci, Candeal, Barrocas, Monte Santo e Nordestina.  

No Semiárido Nordeste II, 43 mil unidades são para Cícero Dantas, Ribeira do Pombal, Banzaê, Nova Soure, Santa Brígida, Coronel João Sá, Fátima, Jeremoabo, Ribeira do Amparo, Sítio do Quinto, Antas e Euclides da Cunha. Já no território Itaparica, os municípios são Paulo Afonso, Glória, Abaré e Rodelas recepcionam 17 mil unidades. No Médio Rio de Contas: Jequié, Ibirataia, Itagibá, Ubatã, Itagi, Apuarema, Boa Nova, Gongogi, Ipiaú, Barra do Rocha, Nova Ibiá e Manoel Vitorino recebem 53.500 máscaras.   

Para o Sudoeste Baiano, as 72 mil máscaras foram enviadas para Vitória da Conquista, Cândido Sales, Caetanos, Poções, Licínio de Almeida, Mirante, Planalto, Ribeira do Largo, Barra do Choça, Encruzilhada e Presidente Jânio Quadros. No Médio Sudoeste da Bahia, as 42 mil mascaras são para: Itapetinga, Itororó, Caatiba, Macarani, Santa Cruz da Vitória, Firmino Alves e Potiraguá.  

Para o território Bacia do Jacuípe, as 30 mil máscaras foram para Capim Grosso, Pintadas, Riachão do Jacuípe, Nova Fátima, Serra Preta, Gavião, Várzea do Poço e Várzea da Roça. No território de Irecê, as 51.400 unidades são para Lapão, Cafarnaum, Irecê, Ibititá, Xique-Xique, Mulungo do Morro, Canarana, João Dourado, Jussara, Presidente Dutra e Uibaí.  

No Sertão do São Francisco, as 71 mil unidades foram para Remanso, Juazeiro, Casa Nova, Curaçá, Uauá, Campo Alegre de Lurdes, Sobradinho, Ourolândia, Jacobina, Umburanas, Saúde, Miguel Calmon, Jaguarari, Senhor do Bonfim, Campo Formoso, Pindobaçu e Filadélfia. Para a Bacia do Paramirim, as 28 mil unidades são para Boquira, Macaúbas, Paramirim, Caturama e Érico Cardoso.   

Para o território Velho Chico, as 49 mil máscaras são destinadas para Bom Jesus da Lapa, Barra, Carinhanha, Paratinga e Ibotirama. Na Chapada Diamantina, Seabra, Morro do Chapéu, Piatã, Iraquara, Rio de Contas e Utinga recebem 47 mil unidades. 

Já para o Sertão Produtivo, os 55 mil itens são para Brumado, Guanambi, Livramento de Nossa Senhora, Caetité, Palmas de Monte Alto e Dom Basílio. No Piemonte do Paraguaçu, Itaberaba, Ruy Barbosa, Santa Terezinha, Rafael Jambeiro, Piritiba e Mundo Novo recebem 34.867 unidades. No território Bacia do Rio Grande, Luís Eduardo Magalhães, Barreiras, Santa Rita de Cássia, Buritirama, Formosa do Rio Preto, Baianópolis, São Desidério, Correntina, Santa Maria da Vitória, São Félix do Coribe, Cocos e Coribe recebem 78.956 unidades.

O Governo do Estado executa a distribuição das máscaras diretamente para municípios e secretarias, para uso nas unidades de saúde e para a população, sendo vedada a vinculação e utilização política na entrega. 

Fonte e Foto: Ascom Seplan

MARI themes

Tecnologia do Blogger.