Visualização da imagemDiante do cenário mundial de distanciamento social para impedir o avanço do novo coronavírus, a Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) abre, nesta quinta-feira (2), as inscrições para cinco novos cursos gratuitos na modalidade de ensino a distância – EaD, por meio do Programa de Formação em Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Formar). Os interessados devem se inscrever até o dia 10 de abril, pelo endereço: (http://ead.meioambiente.ba.gov.br/).  
Serão disponibilizadas 400 vagas nas áreas de Licenciamento Ambiental, Ecologia da Paisagem, Avaliação Integrada de Impactos Socioambientais, Gerenciamento Costeiro e Política e Gestão dos Recursos Hídricos. Os cursos serão realizados entre os dias 14 de abril e 26 de maio, com carga horária de 40 horas, onde os participantes poderão ter acesso ao conteúdo pelo computador ou dispositivo móvel. Os critérios de avaliação devem ser conferidos no site.
“Os cursos EaD têm sido uma alternativa durante essa pandemia. Essa é uma forma de aprender, se atualizar e  aproveitar o tempo em casa. O Programa Formar será uma ótima opção para atender a população nesse período. Além disso, conseguiremos formar multiplicadores em busca da eficiência das políticas públicas voltadas para gestão ambiental”, destaca o titular da Sema, João Carlos Oliveira.

Formar – o Programa tem como objetivo a promoção da formação continuada dos agentes públicos, servidores, técnicos, gestores, membros de órgãos colegiados e demais representantes da sociedade civil com atuação na área ambiental e que integram o Sistema Estadual de Meio Ambiente (Sisema) e o Sistema Estadual de Gerenciamento de Recursos Hídricos (Segreh), contribuindo para o cumprimento das diretrizes estratégicas da Sema e do Inema no Estado.
Desde 2013, o Formar já emitiu 6.746 certificados, abordando as principais questões ambientais e de recursos hídricos da Bahia. “O Programa representa uma significativa ação para a obtenção de qualidade, eficiência, grau de abrangência e efetividade nos serviços públicos prestados ao cidadão”, ressalta o superintendente de Políticas e Planejamento Ambiental da Sema, Claudemir Nonato.

ASCOM - GOV-BA

No início da tarde de quarta-feira (01/04), mais um veículo foi tomado de assalto na zona rural de Juazeiro, no norte da Bahia.

De acordo informações - o fato ocorreu na BR-407 nas proximidades do Distrito de Carnaíba do Sertão - os elementos estavam em um Toyota Corolla de cor prata - renderam o condutor de uma caminhonete Toyota Hilux preta, ano 2015/2016, de placa FJR-9002, licença de Bélem-PB - anunciaram o roubo - logo em seguida tomaram destino Juremal ou estradas vicinais que podem dá acesso ao vale do Salitre ou Distrito de Pinhões e adjacências.

A PM foi acionada - o CPR-Norte acionou as cidades vizinhas e PRF. As incursões estão sendo priorizadas pelo policiamento ordinário e especializado.

Paim News


Nas primeiras horas desta quarta-feira (1º de abril de 2020), foi encontrado próximo a CHESF em Bonfim o corpo do jovem Jose Daniel Barros Pereira, 18, residia no Bairro Itaberaba em Juazeiro, apresentando perfurações de tiros na cabeça.

A polícia acredita que o crime tenha ocorrido no início da noite, pois seu relógio havia parado às 19h07min, a polícia deve trabalhar com alinha de execução, já que nada foi levado da vítima que além de relógio, estava com mochila e celular.

A PM, a PC e o DPT estiveram no local fazendo remoção cadavérica e o corpo foi reconhecido por uma amiga, e reafirmado por familiares.

Blog do Netto Maravilha


O juiz Glauco Dainese de Campos, da 7ª Vara da Fazenda Pública de Salvador, determinou nesta segunda-feira (30) que a Embasa não pode suspender os serviços de fornecimento de água para toda a Bahia por 90 dias.

A liminar atendeu ao pedido de uma ação civil pública feita pelo Consórcio Intermunicipal Somar, que tem o prefeito de Madre de Deus, Jeferson Andrade, à frente. Na decisão, o magistrado fixa multa diária no valor de R$ 50 mil em caso de descumprimento.

O juiz destaca que "em razão de absoluta excepcionalidade de calamidade pública sanitária, social e econômica, com o único objetivo de mitigar os efeitos desastrosos que ainda estão por vir" por causa do avanço do coronavírus, a Embasa fica proibida de suspender o fornecimento de água à população baiana.

"Frise-se que esta decisão não é um salvo conduto para a inadimplência. Dessa forma, os consumos realizados no período serão contabilizados e cobrados normalmente pela Embasa, entretanto, por 90 dias não poderá haver a suspensão do fornecimento dos serviços", diz o texto.


Bahia Notícias

Imagem relacionada
O caos instalado no Município de Jaguarari após as decisões atrapalhadas do prefeito municipal, que suspendeu praticamente todos os serviços públicos, bem como o comércio local, está afetando toda a população, que se encontra ilhada, com fome, sem dinheiro e passando necessidades, pois não conta, ainda, com a assistência social.

Para piorar a situação, em especial da população mais carente, as casas lotéricas, bancos e correspondentes bancários estão proibidos por Decreto Municipal (0116 e 0118/2020) de receberem pagamentos e depósitos, o que inviabiliza o atendimento aos beneficiários dos programas sociais e prejudica os comerciantes.

As decisões impostas ao povo jaguarariense pelo gestor sem preparo, está tornando a população cada vez mais necessitada e abandonada por um executivo lotado de investigações e denúncias de cometimento de crimes diversos.

Se não bastasse impor a fome e a miséria ao povo, por medidas intempestivas e desastrosas, o projeto inacabado de prefeito, por meio de seus subordinados, estão demitindo servidores contratados por telefone (relataram à nossa reportagem várias pessoas que pediram sigilo da fonte com receio de retaliação), deixando mais pais e mães desempregados justamente no momento em que eles mais precisam de dinheiro para alimentar suas famílias e cumprirem com seus compromissos, coisa que aparentemente o prefeito não sabe o que é: CUMPRIR COM SEUS COMPROMISSOS.

Segundo algumas fontes, parte dos vereadores que apoiam politicamente este cidadão que recebeu mais de 9 mil votos de confiança, estão "cuspindo fogo" por conta das picaretagens associadas a gestão do prefeito intitulado "prefeito do pão", principalmente porque estas decisões equivocadas e sem justificativa aparente, respingarão nos vereadores que ainda insistem em apoiá-lo.


O Município de Jaguarari possui centenas de famílias carentes e parte delas tem apenas o Bolsa Família como fonte de renda para sobreviver, mas desde que foi publicado pelo prefeito Everton Rocha o Decreto 0116/2020, muitas delas se viram privadas até mesmo de se alimentarem, já que o acesso a Casa Lotérica foi suspenso pelo executivo.

Após fortes críticas da população e também a postura firme da Rádio Top Fm, que cobrou soluções por parte do gestor, para conter a fome e as necessidades dos mais carentes, levaram ao recuo da decisão insensível e desprovida de sensatez do prefeito municipal, que revogou o inciso II do art. lº. do Decreto Municipal n.º 0116, de 21 de março de 2020, para o fim de possibilitar a reabertura das Agências Bancárias Oficiais, Correspondentes e Lotéricas, para atendimento interno e exclusivo de cidadãos em situação de vulnerabilidade, grupos de risco de pandemia e/ou que necessitam de serviços essenciais, tais como Bolsa Família, Seguro Desemprego, Aposentadorias, Saques do FGTS e demais Programas Sociais.

A decisão já começa a valer nesta quarta-feira, 25 de março de 2020.

A desembargadora Sandra Inês Rusciolelli foi presa na manhã desta terça-feira (24), por ordem do Superior Tribunal de Justiça (STJ). A Corte determinou a prisão temporária da magistrada e de dois advogados, sendo um deles, o filho dela, Vasco Rusciollelli. A operação a 5ª fase da Faroeste e aconteceu nas cidades de Salvador, em Praia do Forte, além de Rondonópolis, no Mato Grosso.  

Operação Faroeste visa desarticular um possível esquema criminoso voltado à venda de decisões judiciais, por juízes e desembargadores, do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia. Os crimes investigados, além de corrupção ativa e passiva, são lavagem de ativos, evasão de divisas, organização criminosa e tráfico influência.


Bahia Notícias 

Através do Decreto 005/2020 de 23 de março de 2020, o Presidente da Câmara de Vereadores de Jaguarari, Sr Márcio José Gomes de Araújo, tendo em vista a Pandemia do Coronavírus suspendeu todas as atividades camerais, e o atendimento ao público na Casa, por tempo indeterminado. O Decreto visa seguir as medidas de enfrentamento do COVID-19, no entanto, em caso da necessidade de apreciação de matérias de urgência, os edis serão convocados em caráter extraordinário.


O descaso continua! Já foi denunciado pelo Jornal da Top Fm, que a máquina de lavar roupa hospitalar está sem funcionar, e com isso as lavadeiras seguem expostas a contaminação de todos os tipos.

Se não bastasse terem que lavar tudo à mão, ainda não dispõe de todos os EPI's necessários para garantir a proteção devida e efetiva. Agora com a pandemia do Coronavírus (COVID-19), o medo toma conta das servidoras, e evidencia o descaso para com estas mães de famílias.


*Foto ilustrativa
 

Nesta segunda-feira, 23 de março, circulou nas redes sociais, um vídeo onde um pai residente no Distrito de Pilar denuncia a recusa de atendimento ao seu filho de 6 anos de idade, que estaria febril e com tosse. De acordo com a mídia, o pai alega ter destratado e impedido de entrar na Unidade Básica de Saúde.

É possível identificar o pai dizer seu filho vem doente há 15 dias, e mesmo assim teve o direito à saúde negado pelos profissionais daquela unidade de saúde.

Ainda nas redes sociais, alguns servidores comissionados debatiam com cidadãos, na tentativa de justificar as falhas gritantes neste caso, mas apenas reforçaram o grande despreparo da equipe em gerenciar conflitos, o que acabou gerando uma situação vexatória a ponto de um médico gravar um vídeo enaltecendo o prefeito, ao invés de demonstrar a preocupação com a situação da família afetada pela péssima atenção dada ao caso.

Este fato reforça as péssimas condições em que se encontra a saúde pública do Município de Jaguarari.


De acordo com denúncias chegadas ao Blog Jaguarari Online, funcionários da saúde de vários locais no Município estão trabalhando sob tensão e medo, pois segundo informações, não há equipamentos adequados para proteção individual e até mesmo álcool em gel ou líquido a 70º não tem.

Socorristas do SAMU, técnicos de enfermagem, enfermeiros e outros funcionários estão apavorados, principalmente com receio de serem infectados com o novo vírus que até a noite desta segunda-feira já matou 34 pessoas em todo o Brasil.

Lamentavelmente uma Prefeitura rica, como é a de Jaguarari, deixe seus servidores expostos dessa forma.

Há pouco mais de três meses o Jornal da Top Fm de Jaguarari levava ao ar uma denúncia sobre a falta do aparelho de rádio comunicador da ambulância do SAMU, e mesmo decorrido todo este tempo nenhuma providência foi tomada. Para você entender, o rádio comunicador serve para a comunicação entre a base e a equipe da ambulância. 

Mesmo hoje com sinal de telefonia móvel presente em vários dos trajetos que a ambulância percorre, pode acontecer algum incidente, como um problema mecânico e ser em uma área sem sinal de celular, e o rádio comunicador, que funciona através ondas eletromagnéticas, ser a única ferramente de socorro para a troca ou conserto do veículo, porém, como este item importante não tem na ambulância do SAMU, segundo conseguimos apurar com um dos técnicos que realiza a manutenção, o Município põe vidas em riscos, inclusive da equipe de socorristas.

Esperamos que a partir de agora, a Prefeitura tome as devidas providências.

Foi assinado na noite deste sábado, 21 de março, o Decreto 0116/2020, que limita as possibilidades de imprudências na propagação do Coronavírus. Desta vez a determinação alcança vários estabelecimentos comerciais, que deverão manter suas portas fechadas sob pena de multa de até R$ 10.000,00 (dez mil reais) e cassação de alvarás, para quem descumprir as ordens.

A partir de segunda-feira, 23 de março, apenas padarias, farmácias, mercados, açougues, postos de combustíveis, casas de produtos agropecuários, clínicas médicas, laboratórios, serviços de distribuição de gás de cozinha e água mineral, estabelecimentos de fornecimento de insumos médicos, de enfermagem e de higiene, operações delivery e oficinas para o conserto de ambulâncias, viaturas e veículos essenciais estão permitidos a funcionar, desde que sigam as regras estabelecidas, como por exemplo a presença de no máximo de 15 pessoas em seu interior.

O Decreto ainda suspendeu a realização das feiras livres no Município: Juacema, Gameleira, Pilar e Sede, bem como todo e qualquer evento em espaço aberto ou fechado. Também estão proibidos de abrirem ao público, durante a vigência: bares, lanchonetes e restaurantes, porém permitida venda por meio do serviço de entrega a domicilio, que poderá ser realizado por mototáxi, que por sua vez não poderá transportar passageiros.

Os serviços bancários e seus correspondentes não poderão funcionar, apenas os terminais de auto atendimento (caixas eletrônicos). Os correios só realizarão a entrega e coleta de encomendas.

Lojas de confecções, calçados, cosméticos, eletrodomésticos, materiais de construção e elétricos não constam no atual Decreto, ficando a dúvida quanto a permissão ou não de funcionamento. Já hotéis, pousadas, não poderão admitir novos hóspedes.

Para evitar a entrada de pessoas oriundas de áreas com casos confirmados do COVID-19, a Prefeitura de Jaguarari proibiu o funcionamento do terminal rodoviários e deverá instalar barreiras físicas nas entradas do Município e intensificará a fiscalização a transportes clandestinos.

Todas estas medidas estarão em vigor até o dia 31 de março.

Diante dos fatos apresentados na região de Andorinha em relação novo Coronavírus, a Gestão Municipal, em conjunto com o Comitê de Combate ao Coronavírus, determinou a suspensão da feira livre e da feira de animais que ocorreriam na próxima segunda-feira (23). Além do cancelamento dessas feiras, outras medidas foram tomadas para intensificar a prevenção ao Covid-19. São elas:

Comércio de bares, confecções e ramos que não se enquadram no gênero alimentício deverão permanecer fechados por 10 dias, a contar a partir do dia 23 de março.

Será permitido somente a abertura de:
• Supermercados
• Farmácias
• Açougues
• Hortifrútis
• Postos de Combustíveis
• Laboratórios
• Padarias
• Unidades de Saúde
• Lojas de Alimentos Pet
• Lotéricas
• Agências Bancárias
• Hotéis
• Oficinas mecânicas

Todos os estabelecimentos acima devem evitar aglomerações e está proibida a utilização de mesas e cadeiras.

Permitido o funcionamento apenas para ENTREGAS, buscando os cuidados indicados com higiene na prevenção do Covid-19:
• Restaurantes
• Lanchonetes (Pizzarias, açaí, pastelarias, dentre outros)
• Distribuidoras de Água e Gás de Cozinha
Permitido o funcionamento apenas por atendimento telefônico e, caso necessário, serviço domiciliar, buscando os cuidados indicados com higiene na prevenção do Covid-19:
• Serviços de internet
• Serviços de funerária

Para os serviços de transporte intermunicipal, solicita-se que seja feito regularmente a higienização do veículo, assim como a disposição de álcool gel 70º, e manter sempre os vidros abertos evitando a utilização de ar condicionado.

Via Blog do Eloilton Cajuhy

Definitivamente o surto de Coronavírus não deve ser levado como uma brincadeira, diante desta doença que avança no Brasil, os socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), de Jaguarari, lançam uma campanha simples e fácil de ser seguida: NÓS ESTAMOS AQUI POR VOCÊS, FIQUEM EM CASA POR NÓS: SAMU - JAGUARARI.

Até o momento em Jaguarari foi registrado um caso suspeito divulgado pela Secretaria de Saúde, o mesmo está sendo monitorado. Só o fato de existir a suspeita é mais uma forma das pessoas evitarem ao máximo transitarem pelas ruas do município, apenas fazer o básico e evitar a aglomeração, que consequentemente pode ocorrer um contagio, pois Jaguarari não dispõem de uma grande estrutura para atender um auto número de doentes e isso preocupa os socorristas, pois são eles que na maioria das ocorrências realizam os primeiros atendimentos.

Os socorristas reforçam o aviso e destacam para o grupo de risco que são os asmáticos, pessoas com doenças do coração, fumantes, diabéticos. Além de idosos, esses são alguns que estão mais suscetíveis a pegar a covid-19.

O novo Coronavírus é parente do vírus causador da SARS (sigla inglesa para síndrome respiratória aguda grave). Pacientes com doenças mais debilitantes têm menor capacidade de frear o vírus, aumentando o risco de ele cair na corrente sanguínea, atingir os pulmões e provocar pneumonia.

Então todos se conscientizem do problema, escutem as autoridades e profissionais de saúde, pois eles estão lá fora, para que a população fique em suas casas bem e com saúde, para que esta pandemia possa acabar o mais rápido possível. A responsabilidade é de todos nós, faça sua parte.

Da redação Portal Jaguarari


Um jovem morreu afogado em um tanque no povoado de Olhos D'água, zona rural de Jaguarari. O desaparecimento da vítima ocorreu no final da tarde desta quinta-feira (19/03), mas o corpo só foi localizado na manhã desta sexta (20), por uma equipe dos Bombeiros.

Segundo informações o jovem identificado como Igor Santos, 21 anos, se encontrava no local com um colega que teria saído, quando a vítima teria entrado no tanque e não mais retornou, o seu colega voltou ao local e encontrou apenas as vestes e os chinelos de Igor. Uma equipe do 2º Subgrupamento de Bombeiros Militar (2°SGBM), de Senhor do Bonfim foi acionada e após operações de mergulho o rapaz foi encontrado sem vida, por volta das 11h40 desta sexta-feira.

O corpo foi encaminhado para a 19ª Coordenadoria Regional de Polícia Técnica (19ªCRPT), para realização de necropsia, e posteriormente liberado para o último adeus por parte de familiares e amigos.

Portal Jaguarari

Católicos do povoado de Catuni da Estrada, zona rural de Jaguarari, comemoraram o dia do padroeiro da comunidade, São José, com uma Missa, na noite desta quinta-feira (19/03).

Neste momento de apreensão devido a pandemia do coronavírus a fé falou mais alto e a tradicional Missa a São José aconteceu com um número inferior de fiéis, o que não é de acostume, pois a comunidade é bastante religiosa. O momento de fé ocorreu fora da Capela na tentativa de evitar ao máximo o contato físico, bem como no momento das pessoas se saldarem o Padre optou por um momento de oração.

Vale lembrar que os festejos do povoado programado para o final de semana com atrações musicais foi adiado pela Prefeitura.

Portal Jaguarari
Colaboração e foto: Luiz Augusto


A Secretaria Municipal de Saúde de Jaguarari através da Diretoria de Vigilância Epidemiológica, informa que até o dia 19/03/2020 existe 01 Paciente suspeito de Infecção por Coronavirus - Covid 19 em nosso município. Sendo que o caso já foi Notificado ao Ministério da Saúde, recebeu atendimento médico e o mesmo encontra se em Isolamento Domiciliar.

Vale salientar que é um caso suspeito e estamos aguardando confirmação laboratorial. Ressaltamos que todos os departamentos envolvidos estão seguindo criteriosamente os Protocolos do Ministério da Saúde. Destacamos que todos estão atentos e estaremos sempre mantendo a população informada.

Ascom PMJ

MARI themes

Tecnologia do Blogger.