Sem água, sem atendimento médico, sem carro da saúde e sem aulas, moradores do Flamengo pedem providências urgentes!

Imagem relacionada
Do povoado de Flamengo, às margens da BR 407, vem mais uma reclamação e pedidos de providências por parte das autoridades municipal. Sem água nas torneiras há mais de uma semana, sem atendimento médico no PSF, que se encontra fechado, sem carro para transportar pacientes doentes à emergência hospitalar e com a escola praticamente sem aulas, os moradores daquela comunidade cobram solução do poder público. De acordo com os moradores que entraram em contato com o whatsapp da nossa equipe, estes transtornos haviam sido sanados, mas após a virada de cadeira, onde o atual prefeito Everton Rocha reassumiu o posto de prefeito, a vida da população da comunidade virou um caos e não há respostas nem prazos para a normalização.

Veja o que disse alguns moradores, que pediram para não serem identificados:

“- O posto médico está sem atendimento nenhum. Pacientes acamados não tem quem atenda para medicar e não tem ninguém que possa resolver esta situação. Tudo aqui está um verdadeiro descaso, sem médico e nem previsão.”
“- Acabaram com tudo que tínhamos aqui na comunidade, com as melhorias.”
“- Retiraram o carro que levava as pessoas para a fisioterapia.”
“- Na escola só colocaram 1 diretor, não tem coordenador, nem secretária.”
“- A água de Flamengo não está caindo água da torneira hoje faz oito dias.”
“- Carro de saúde não temos mais.”
“- Se alguém adoecer temos de pagar um carro está horrível.”