EAF envia atleta para campeonato nacional no Rio Grande do SUL

Jadson André, 21 anos, atleta residente da Escolinha de Atletismo Flamengo vai fazer história pra Campo Formoso, sua cidade natal e Jaguarari, a cidade que o acolheu. Ele vai   participar do Campeonato Brasilero SUB 23 em Porto Alegre. A competição acontecerá num dos maiores clubes olímpicos desse país, o SOGIPA, responsável por revelar grandes campeões no judô, como Mayra Aguiar, campeã mundial e no espetacular atletismo, como Almir Junior, que recentemente se tornou vice campeão mundial indoor no salto triplo. 
D'jadson entra na pista exatamente ás 16:45 de sábado dia 28, para correr os 5.000 metros rasos, contando com a torcida de toda a Bahia e do Piemonte Norte do Itapicuru.
Nessa temporada o garoto já participou de duas grandes competições, tornando-se campeão. Em Recife ele venceu os 5.000 metros do Campeonato Pernambucano SUB 23, atuando como convidado e em Simões Filho, correndo a mesma prova, pela primeira etapa do Campeonato Baiano, o garoto venceu novamente, credenciando-se para essa que é a maior competição do Brasil nessa categoria. Ela classifica e aponta futuros atletas para competições internacionais, como também os que serão beneficiados com bolsa de incentivo pelo Ministério dos Esportes.
Jadson tem inscrição na Federação Bahiana de Atletismo pelo Clube AASF - Associação Atlética Simõesfilhense, que mantém um vínculo muito forte com a EAF.
FBA custeou as passagens aéreas, assim como a alimentação e estada do jovem atleta na terra do churrasco e do chimarrão.
O meio fundista viaja hoje para Salvador, onde embarca nessa quinta-feira, pela Avianca, às 12:55, com escala no Rio de Janeiro, onde ele troca de aeronave ás 16:00, seguindo viagem para Porto Alegre. O desembarque do marinheiro de primeira viagem, digo melhor, passageiro voador nas terras gaúchas está previsto para as 18:25. Seu retorno será no dia 30, fazendo conexão em Brasília.
Esperança de bons resultados e que esse atleta de Cristo aproveite a boa estada, o conhecimento cultural a gastronomia e o turismo em suas passagens por essa grandes capitais. Que em Brasília, o corredor deixe bons fluídos, principalmente no que se refere a mais investimento no esporte.