APÓS CASSAÇÃO, CASA DE APOIO É FECHADA E TRANSPORTE COM PACIENTES MANDADO RETORNAR, DENUNCIA PACIENTES

Poucos minutos após a confirmação da cassação do mandato do prefeito Everton Rocha (PSDB), a notícia de que a casa de apoio, em Salvador, que recebe a acolhe pacientes que fazem tratamento em Salvador teria sido fechada e que o transporte que levava outros pacientes para Salvador teria recebido ordem para retornar, inclusive foi citado pelo vereador Paulinho Morgado na tribuna da Câmara. O fato gerou revolta e preocupação, principalmente pela dificuldade de conseguir vagas em hospitais em Salvador e a necessidade do início e continuidade de tratamentos.